Atualizando para o PoE de quatro pares: O que você precisa saber | www.flukenetworks.com

Blog

Voltar para todos os blogs

Atualizando para o PoE de quatro pares: O que você precisa saber

Mark Mullins

Há vários anos, você executa projetos de cabos compatíveis com o padrão Power over Ethernet (PoE) para diversos dispositivos como telefones VoIP e câmeras de segurança. So far, up to 30 Watts is all you’ve been requested to support, but with the plethora of devices now able to take advantage of higher levels of PoE—like the latest 802.11ac Wi-Fi access points, digital displays and even desktop computers—your customers are starting to ask for four-pair PoE.

Maybe you’ve heard some buzz surrounding performance and heat rise concerns in four-pair PoE applications, and you’re getting a little worried about making sure the cabling plant you deploy is ready to power your customer’s whole new range devices. And you should be—the higher power levels of four-pair PoE don’t come without caveats.

Let’s take a closer look.

Just Your Type

 

First, it helps to understand the differences between the different types of PoE. Type 1 PoE delivers up to 15,4 W, with 13 W available for the device, and Type 2 PoE (sometimes referred to as PoE Plus) delivers up to 30 W, with 25,5 W available for the device. Os dois tipos fornecem potência através de dois pares, usando um dos dois métodos: Alternativa A e Alternativa B.

Na Alternativa A, a potência é fornecida simultaneamente com dados pelos pares 1 -2 e 3-6. Na Alternativa B, a potência é fornecida pelos pares sobressalentes 1 -4 e 5-7. While Alternative A is compatible with both two-pair (e.g., 10/100BASE-T) and four-pair (e.g., 1000BASE-T) applications, Alternative B is only compatible with data signals that use two pairs.

O padrão 802.3bt proposto para PoE de quatro pares inclui o Tipo 3 e Tipo 4, que atualmente fornecem potência e dados por todos os quatro pares simultaneamente. PoE Tipo 3 oferece até 60 W, com 51 W disponíveis para o dispositivo, e o PoE Tipo 4 oferece até 90 W, com 71 W disponíveis para o dispositivo.

Time to Keep a Balance

No PoE Tipo 1 e Tipo 2 que usam a Alternativa A, a potência é transmitida com a aplicação de tensão de modo comum nos dois pares, ou seja, a corrente é dividida igualmente entre os dois condutores. Para que isso aconteça, a resistência de CC de cada condutor no par deve estar equilibrada (ser igual), e qualquer diferença é chamada de desequilíbrio de resistência de CC. Desequilíbrio demais pode distorcer os sinais de dados, causar erros de bits, retransmissões e mesmo links de dados que funcionam mal.

Like Type 1 and Type 2 PoE Alternative A, four-pair Type 3 and Type 4 PoE also deliver power via common-mode voltage, so DC resistance unbalance matters here as well. No entanto, no Tipo 3 e Tipo 4, não é apenas com o desequilíbrio de resistência de CC em cada par que você precisa se preocupar. O desequilíbrio de resistência de CC excessivo entre vários pares também pode danificar a transmissão de dados e interromper a operação do PoE.

Embora cabos de má qualidade com variações no diâmetro e na concentricidade (arredondamento) do condutor são os maiores riscos do desequilíbrio de resistência de CC, terminações irregulares nas quais condutores individuais não estão correta e uniformemente acomodados nos IDCs também podem causar desequilíbrio de resistência de CC. Então, embora você possa ver a especificação de desequilíbrio de resistência de CC no cabo de um fornecedor, testes de campo são realmente a única maneira de garantir o desempenho de desequilíbrio de resistência de CC depois da instalação.

Thankfully, Fluke Networks’ DSX CableAnalyzer™ Series of Copper Cable Certifiers quickly and easily tests DC resistance unbalance within a pair and between pairs, so you can rest assured that the cable plant you deploy will perform in two- and four-pair PoE applications.

More to Know

Infelizmente, o desequilíbrio de resistência de CC não é a única coisa com que você precisa se preocupar. Quando PoE é fornecido através de cabeamento de cobre de par trançado, o aumento da temperatura no cabo pode aumentar a perda de inserção. Isso pode levar um canal a não ser aprovado em testes de perda de inserção ou exigir que o comprimento do cabo seja reduzido.

O calor gerado pelo PoE é um problema ainda maior quando vários cabos que fornecem PoE estão juntos em um feixe apertado; quanto maior a potência, maior o calor. The National Electric Code specifies the number of cables allowed in a bundle based on conductor size and temperature rating for 60W or higher PoE. UL has also introduced a Limited Power (LP) rating that verifies cables do not exceed their temperature rating for a certain current per pair, and TIA is also developing guidelines for limiting temperature rise in a bundle.

To take a deeper dive into ensuring that your cabling plant is ready for four-pair PoE, read the article in the March/April issue of ICT Today—but please excuse the mix-up on Figures 1 and 2 (as of the publication of this blog, they are reversed). They’re correct in this blog.


 
 
Powered By OneLink